Mãe registra ocorrência após bebê de 1 ano ser entregue pela creche com 15 marcas de mordida

21/11/2019

Caso aconteceu em Severínia (SP). Quatro funcionárias foram afastadas das funções temporariamente e a polícia vai abrir um inquérito.

Uma mãe registrou um boletim de ocorrência em Severínia (SP) na manhã desta quarta-feira (20) depois que o filho, de 1 ano e 5 meses, voltou da creche com várias marcas de mordida pelo corpo. O boletim foi registrado como lesão corporal.

De acordo com relato da mãe à polícia, ela recebeu um telefonema da creche dizendo que o filho estava machucado porque uma criança tinha mordido ele. Como ela trabalha em Olímpia, cidade vizinha a Severínia, pediu para a irmã ir buscá-lo.

Ainda segundo a mãe, quando a irmã chegou ao local encontrou a criança com pelo menos 15 marcas de mordida pelas costas, orelhas, barriga e rosto.

A tia da criança disse para a mãe que na hora as funcionárias da creche não souberam explicar o que teria acontecido, apenas que ele estava no berçário com outras duas crianças quando isso aconteceu. Um inquérito vai ser aberto e o delegado vai ouvir as funcionárias da creche.

Já a diretora da creche disse para a TV TEM que trabalham no local oito monitoras, sendo quatro em cada período. A diretora disse que elas estavam transferindo os alunos para outra sala e o menino teria sido um dos últimos, e ficou sozinho com as outras duas crianças.

A diretora da escola se reuniu com o secretário de Educação para definir medidas. As quatro funcionárias foram afastadas temporariamente até o caso ser investigado. Elas não são concursadas.

Por Marcelo Neves

Fonte e imagem: G1