JUIZ DÁ NOVA ORDEM DE PRISÃO CONTRA JOÃO DE DEUS, POR POSSE ILEGAL DE ARMAS

21/12/2018

Por Marcelo Neves

Médium já está preso desde domingo (16), suspeito de abusos sexuais, e nega crimes. Operações em endereços ligados a ele apreenderam mais de R$ 400 mil, seis armas de fogo, pedras preciosas e medicamentos.

O juiz Liciomar Fernandes da Silva, do Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO), decretou a prisão do médium João de Deus, agora por posse ilegal de armas de fogo. Operações em endereços ligados ao médium apreenderam seis armas, além de mais de R$ 400 mil, pedras preciosas e medicamentos.

Foram encontradas armas de uso permitido e de uso restrito. Esse crime pode levar a pena de 3 a 6 anos", disse o promotor Luciano Meireles.

O médium já cumpre prisão preventiva desde domingo (16) no Núcleo de Custódia de Aparecida de Goiânia, devido a denúncias de abuso sexual durante tratamento espiritual. Ele sempre negou as acusações.